7 de mar de 2008

Surfoco

Em alguns locais onde as ondas ajudam ao surf, Florianópolis por exemplo, novos nomes no esporte surgem a cada ano. Alguns novos surfistas aparecem vindo de competições, desde pequenos, onde podem compartilhar experiências com Dinossauros do esporte. Um momento especial para um aprendizado de alto nível. Claro que surfar se aprende surfando. Horas de banho de mar, dia após dia. Mas existem iniciativas de alguns grupos, que aceleram de certa forma, a projeção de novos nomes nos esportes. O Surfoco, é um exemplo disto. Um campeonato anual realizado na praia do Campeche em Florianópolis, onde surfistas locais de diversas categorias se reunem para uma confraternização e desenvolvimento do esporte. Nomes como David e Pedro Husadel são figurinhas carimbadas neste evento. Para explicar melhor como funciona o Surfoco, pedi a outro primo meu infiltrado no surf, o Paulinho Orofino (comigo na foto ao lado), para colocar aqui no Top Wings, o que o Surfoco é, o que estão fazendo para o surf Catarinense e quais os rumos que se apresentam para o futuro.

Então Paulinho, afinal porque o nome Surfoco? O nome Surfoco teve origem em razão de existir na época (1990) um pequeno bar na areia da praia do Campeche que tinha o nome de Sufoco's. Era do nosso amigo Edinho. Para dar uma força a ele, as inscrições e o campeonato eram realizados neste local e davam direito a duas cervejas para cada participante comemorar no final do evento. E quando o Surfoco começou? O primeiro campeonato foi realizado em fevereiro de 1990. Quem organiza? O Surfoco foi organizado inicialmente por um grupo de amigos surfistas da praia do Campeche. Este grupo em 1996 fundou o Campeche Surf Club, que desde esta data passou oficialmente a organizar o evento. Quem patrocina? Atualmente o campeonato conta com algumas âncoras de patrocínio para premiação como Tropical Brasil e Sul Nativo que já são colaboradores habituais. O comércio local colabora com cotas menores para pequenas despesas e as grandes despesas (palanque, estrutura etc) são bancadas por outros grupos como 14 Brasil Telecom, TVBV, Band FM. Quem pode participar? O surfoco é um campeonato fechado e só participam surfistas locais, moradores da praia do Campeche e, eventualmente, alguns convidados. O número de inscrições é limitado e atualmente é possível realizar o evento em um dia (sempre sábado de carnaval), com aproximadamente 90 inscritos.
Quais os planos para o futuro? O futuro pertence a Deus, mas estão nos planos do Campeche Surf Club continuar incentivando a prática do esporte entre as diversas gerações do surf na praia do Campeche, melhorando cada vez mais a nossa estrutura, abrir uma página na web para divulgar os nossos eventos, definir um único grande patrocinador para o Surfoco e manter uma escola de surf funcionando permanente no Campeche.

Mais Informações sobre o Surfoco: O Campeche Surf Club promove no sábado de carnaval, no Pico da Igrejinha – Praia do Campeche, o tradicional Campeonato “Surfoco”, que inicia às 08:00 horas. O Surfoco é um campeonato com inscrições limitadas e exclusivo para os surfistas locais, moradores da praia do Campeche e conta com 10 (dez) categorias a serem premiadas: Fraldinha, Grommets, Junior, Open, Nativo Iniciante, Nativo, Master, Feminino, Long Board e Do Século (nesta última concorrem apenas quatro competidores que tenham comprovadamente mais de 25 anos de surf cada um, o que perfaz um total de 100 anos de surf na bateria). O campeonato, que neste verão passado completou 19 anos, contou com aproximadamente R$ 15.000,00 em prêmios distribuídos entre pranchas de surf, roupas de neoprene, kits completos de acessórios para surf, além de brindes que foram entregues durante os concursos paralelos como caça ao lixo e perguntas sobre surf e Surfocos anteriores. Durante a entrega da premiação houve o concurso garota Surfoco onde foi escolhida a musa da praia no verão 2008. O Campeche Surf Club é uma é uma organização declarada de utilidade pública e busca incentivar e promover a prática do esporte na comunidade do Campeche. O campeonato Surfoco acontece sempre aos sábados de carnaval, como alternativa, uma prévia ou uma trégua para os dias de folia. Campeche Surf Club – surf sempre

E para finalizar, um video de um vôo duplo que fiz com o Paulinho em 2005 quando ele veio me visitar. Tivemos a oportunidade de fazer um voinho juntos em Sapiranga.

Nenhum comentário: